Biblioteca Escolar

DIA DO DESASSOSSEGO

HOJE, a Fundação José Saramago assinala os 90 anos do Nobel da Literatura, com a inauguração de uma exposição que estará patente nas janelas da Casa dos Bicos e com a representação de excertos de Memorial do Convento, que agora cumpre o 30.º aniversário do seu lançamento.

A Casa está aberta ao público gratuitamente e ao meio dia será inaugurada uma exposição com textos de Saramago e ilustrações de 6 ilustradores portugueses e 3 espanhóis. Pelas ruas de Lisboa espera-se encontrar muita gente a ler, sobretudo Pessoa ou O Ano da morte de Ricardo Reis, de Saramago. É o “Dia do Desassossego”.

Os alunos da Fernão Mendes Pinto foram gentilmente convidados e estarão presentes turmas de Português (12º) e de Literatura Portuguesa (11º ano), com guiões de leitura preparados pelas alunas do Curso de Línguas e Humanidades sobre O Livro do Desassossego, de Bernardo Soares, e a referida obra de Saramago com base no heterónimo pessoano.

A visita de estudo começará com percursos literários por Lisboa, lembrando Eça de Queirós, Cesário Verde, Fernando Pessoa e as respetivas biobibliografias, consoante os programas das disciplinas.

Newsletter da BE

Leitor do Mês - avaliação do impacto

 
A sessão Leitor do Mês que decorreu no dia 2 de novembro contou com a atribuição de diploma e de uma prenda simbólica à premiada, Catarina Miranda, do 7º 4. Apresentaram-se as obras lidas pela aluna e muitas outras infanto-juvenis em exposição na BE. A professora bibliotecária leu alguns excertos, de modo a incentivar a adesão à leitura.
No final da sessão muitos alunos preencheram uma ficha de leitor e requisitaram livros para casa.

Resultados do impacto do evento na promoção da leitura

LEITOR DO MÊS

leitor_mes_out_2012_2.jpg
Catarina Miranda, do 7º 4, foi a vencedora de outubro da rubrica da BE "Leitor do Mês", que premeia e destaca os alunos que mais livros da biblioteca leem em cada mês.
A sessão decorreu na Biblioteca Escolar e estiveram presentes a turma da agraciada e a de Turismo, de 10º ano, na qual se destacam leitores assíduos. E ficou prometido que a próxima sessão será dinamizada pelos alunos do Curso Profissional que melhores marcadores de livros construírem e que mais se destacarem nos seus contratos de leitura, nas aulas de português, com a profª Carla Coelho. Cá os esperamos!

Cartazes da BE na seleção nacional

cartaz_web_mibe_2012_04_0.jpg 
O professor bibliotecário do Agrupamento de Escolas nº 1 de Santa Maria - Beja selecionou vários cartazes que foram partilhados na lista da Rede de Bibliotecas Escolares (RBE), por ocasião do MIBE 2012, e construiu um filme.
Obrigada ao colega Luís Contente pela iniciativa e por nos incluir na seleção.

Marcadores e atividades do MIBE

Esta é uma das semanas emblemáticas para as Bibliotecas Escolares. Dia 22 é o Dia Nacional das BE. Cada escola, de norte a sul do país, organizou-se e preparou atividades para assinalar esta data que une e desafia alunos, professores, bibliotecários e outros profissionais que diariamente se dedicam às bibliotecas escolares.
Na Fernão Mendes Pinto, organizámos uma Feira do Livro e, em articulação com outras entidades, uma conferência, seguida de debate, que evocará Saramago e O Memorial do Convento.
Como já é hábito, temos uns marcadores alusivos ao tema: Bibliotecas Escolares, uma chave para o passado, presente e futuro.

O que é o MIBE?

 
O MIBE é o Mês Internacional das Bibliotecas Escolares, celebrado em outubro pelo mundo inteiro.
Cada ano há um tema definido pela IASL (International Association of School Librarianship). Em 2012, o lema é "Bibliotecas Escolares, uma chave para o passado, presente e futuro".
A partilha de cartazes referentes ao MIBE é uma das formas de todas as bibliotecas escolares sentirem a energia e a missão que as une.
O Professor Luís Martins, de Artes Visuais, construiu os da nossa BE. São 4 e colocamo-los aqui.

O Gebo e a sombra

 
manoel_oliveira_ipsilon_publico.jpg
Manoel de Oliveira, foto de Ípsilon, suplemento do jornal Público

A poucas semanas de completar 104 anos, Manoel de Oliveira vê a sua obra em cartaz. O Gebo e a Sombra, obra literária homónima de Raul Brandão que retrata a pobreza, a relação com o dinheiro e a honestidade, serviu de mote ao "decano dos realizadores mundiais", como afirma o JL.
Aqui podemos ler na íntegra dois textos dramáticos de Raul Brandão: O Gebo e a Sombra e O Avejão.

Cinema francês na BE

Em sintonia com a 13ª Festa do Cinema Francês, a Biblioteca Escolar organiza um ciclo de cinema francês.

A lista é variada. Só não há pipocas.

cinema_mike_curato1.jpg

Ilustração de Mike Curato

Horário de funcionamento

horario_be_out_2012.jpg